Fala galera!

Hoje nós temos mais um monstro fresquinho saindo do forno da Fábrica de Monstros, ou melhor, dos quintos dos infernos!

Os demônios são monstros comuns em RPGs de fantasia medieval, mas mesmo sendo tão irados, costumam aparecer pouco em jogo. Por serem muito poderosos, acabam sendo desafio para personagens de nível alto ou com grande poder. Eu sempre fico ansioso querendo usar os monstros mais irados dos bestiários e até hoje espero uma oportunidade pra usar minha miniatura do Tarrasque em jogo. Acho que é por isso que gosto tanto de modificar e criar novos monstros, para poder “antecipar” a aparição de alguns dos meus preferidos, como os Demônios!

Eu sei que existe uma penca de demônios e diabos diferentes, com poderes variados e até com níveis mais baixos de poder, mas quando eu falo de demônio eu penso naqueles chifrudos mesmo! Que me desculpem os Vrocks, Barlguras e Mariliths,  mas eu quero um capetão vermelho, chifrudo, cheirando a enxofre e pegando fogo!

Conforme a proposta desta coluna, hoje vamos criar um Demônio Chifrudo genérico, que tem como único objetivo saciar a sua vontade de inserir um demônio clássico em sua aventura de nível mais baixo. Como anteriormente, faremos a ficha do capetudo pra Old Dragon, Espadas Afiadas & Feitiços Sinistros e Advanced Fighting Fantasy.

Vamos relembrar as etapas do processo de criação que usamos na coluna?

Encontre uma imagem irada, crie uma história, escolha um monstro como base e modifique suas ficha até ficar satisfeito com sua obra prima!

Ache uma imagem…

Bom, nós queremos um capetão chifrudo, mas ele precisa ser de nível baixo a intermediário, o que nos faz excluir aqueles mais gigantões e sinistrões como Balrogs do Senhor dos Aneis e os Pit Fiends. Precisamos de algo grande e forte, mas que não tenha cara de invencível e super poderoso. Pensando nisso, cheguei até a página do artista Njoo no Deviantart, que fez uma arte muito interessante que captura o espírito da coisa! Um capeta chifrudo, parrudo, com pernas de bode, que parece até um Minotauro….ops….acho que dei spoiler já!

Crie uma história…

Para dar mais coesão a nossa criação, que precisa ter um poder moderado, façamos com que ele seja uma criação mágica de demônios superiores. Então, nosso Demônio chifrudo não é um ser nativo dos planos inferiores e tão pouco um mortal transformado em capeta. É a personificação da ira dos senhores do inferno em comunhão com a ambição maligna de feiticeiros, sem escrúpulos, moral ou respeito pela vida.

Criados a partir de rituais arcanos profanos, envolvendo pactos com demônios, sacrifícios de inocentes e magias proibidas, estes demônios são conhecidos entre os bruxos como Sicários do Inferno. Eles são trazidos à existência para realizar um propósito pré-determinado no pacto feito entre o conjurador e o demônio superior, mas na maioria das vezes atuam na proteção, vigilância ou em planos de vingança brutal.

Os Sicários são fieis apenas à violência e a brutalidade, não sabem o que é o medo e jamais recuam de um combate. Suas vidas são curtas e em essência eles adoram tanto a destruição que riem da sua própria. São extremamente violentos e sádicos, ótimos para dar aquele tom dark, desesperançoso e sanguinolento à sua campanha!

Use um monstro do jogo como base…

Acho que, em Old Dragon, nossa criação deve ser inspirada no Minotauro (Bestiário p.147), pois tem um porte físico imponente e um poder de combate moderado. Eu até pensei num Efreeti ou Oni, mas queria um monstro mais brutal do que mágico. Queria um capeta pra sair no braço! Levando em conta que o minotauro também é fruto de um ritual mágico e geralmente são bestas insanas, me caiu como uma luva! Já em Espadas Afiadas & Feitiços Sinistros eu vou optar por um mix entre o Esqueleto Flamejante (p.41) e Gorila Ciclope (p.42). No Advanced Fighting Fantasy usarei o Minotaur (Out of The Pit p.84) como ponto de partida.

Modifique suas estatísticas

Primeiramente, você pode trocar a arma dele se preferir ou deixá-lo desarmado mesmo. O fogo é um elemento bem interessante e olhando para o Balor eu vejo uma aura de fogo bem maneira, mas muito forte. Então vamos colocar a aura causando 1d6 de dano ao invés de 3d6 do Balor e vamos colocá-la ativa apenas quando ele for ferido, como se fosse uma reação de seu corpo. Assim, só toma o dano quem o ferir de perto. Para finalizar, vamos colocar dois modelos no monstro. Demoníaco pra lhe garantir as características comuns aos demônios e Grotesco, para deixá-lo bem bruto e lento!

Para manter o mesmo padrão brutal, Espadas Afiadas & Feitiços Sinistros eu irei apenas adicionar 1 dado de vida ao Esqueleto Flamejante e a habilidade do Gorila Cíclope de ter os pontos de vida máximos. Enquanto que no Advanced Fighting Fantasy apenas adicionarei uma aura de fogo que causa 2 de dano nos inimigos que o acertarem em corpo-a-corpo e imunidade a feitiços mentais.

Compartilhe com os coleguinhas da internet!

Como a ficha dos monstros em EA&FS e AFF é muito simples, não precisamos de um PDF para ela. Você pode conferir aqui mesmo no post, mas para Old Dragon eu irei deixar um link para um PDFzinho.

  • Espadas Afiadas & Feitiços Sinistros

Sicário do Inferno  | DV: 4 Habilidades especiais: Imune a fogo, frio e feitiços mentais. Sua aura de fogo causa 1d4 pontos de dano nos inimigos que o atingem em copo-a-corpo e possuem o máximo dos pontos de vida possíveis.

  • Advanced Fighting Fantasy

Habilidade: 9 Energia: | Ataques: 2

Habitat: Qualquer | Tipo: Demônio | Reação: Hostil | Inteligência: Média

Habilidades especiais: Imune a fogo, frio e feitiços mentais. Sua aura de fogo causa 2 pontos de dano nos inimigos que o atingem em copo-a-corpo.

  • Old Dragon

Pra facilitar a vida da galera eu fiz um PDFzinho com a ficha para Old Dragon. Só baixar!

GdM-FM02-SICARO-DO-INFERNO-1.pdf (234 downloads)

 

Acho que agora seu grupo vai se sentir numa partida de Diablo, enfrentando um capiroto brutal que não conhece a dor e o medo!

Espero que tenham curtido!

 

Mas compartilha ai sua opinião ou talvez sugestão para o próximo post, fica a vontade…

 

Abraços

PEP